Publicidades

08/02/2018 | 06:02 | Geral | Três de Maio

Entidades se reúnem para trabalhar o tema ''Valorização da Vida''

Proposta iniciada ainda em 2017 prevê trabalhar a questão em âmbito municipal para fomentar políticas de enfrentamento ao suicídio

Gabriel Lautenschleger / Coordenadoria de Comunicação


A Prefeitura de Três de Maio, foi sede na tarde da última terça-feira, dia 06, de mais uma reunião com diversas entidades e servidores públicos para dar continuidade ao movimento de Valorização da Vida, iniciado ainda em 2017, que trabalha a questão do cuidado à vida e sua valorização. Participaram do encontro Secretarias Municipais o Centro de Valorização da Vida – CVV, Instituições Religiosas e a 14ª Coordenadoria de Saúde. O encontro foi coordenado pela Secretária da Saúde, Gislaine Mella.


Segundo a Secretária, considerando o evento do Carnaval que se aproxima, que pede uma reflexão sobre o tema de valorização, além do grande número de pessoas que fazem uso de medicamentos antidepressivos, bem como um histórico de suicídios que vem ocorrendo nos últimos anos, devemos manter o assunto sempre presente.


O diálogo com as entidades, mostrou as principais fragilidades quando o assunto se faz presente, principalmente a questão do uso desmedido das redes sociais e TV e suas expectativas, estruturas fragilizadas na família, baixa tolerância e frustrações, uso de drogas e álcool, falta de estruturas para grupos em eventos culturais e de diversão sadia, falta de objetivos de vida, além das situações de violência, abusos e bullying.


Durante a reunião ficou definido estratégias para trabalhar as questões tratadas como fragilidades pelas entidades, destacando a importância de um estudo através de pesquisa para que se compreenda melhor as deficiências e motivos dessas demandas, além de trabalhar a sensibilização das pessoas através de faixas e folders, treinamentos especializados para servidores da Educação e Saúde, organização de um comitê que fará o acompanhamento de ações e notificações, além de buscar atividades de fortalecimentos na rede de atenção e ampliação da oferta de espaços de convivência, bem como o uso do esporte como um ponto de trabalho para a prevenção aos problemas ocasionados pela falta de valorização da vida.

Fonte: Gabriel Lautenschleger / Coordenadoria de Comunicação

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer