Publicidades

12/04/2018 | 06:43 | Polícia

Tragédia envolve cruzaltenses em Goiânia

Mulher é morta a facadas dentro de casa no Jardim Guanabara, em Goiânia (Reprodução/TV Anhanguera)


Uma mulher de 41 anos foi morta a facadas em casa nesta quarta-feira (11) no Jardim Guanabara, em Goiânia. Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, o suspeito do crime é o filho, de 19 anos, que queria parte do dinheiro que ela recebia por ter casas alugadas.


Vizinhos relataram à Polícia Civil que a vítima, Silvia Aparecida Barcelos Murussi Frizon, tinha constantes discussões com o filho. Segunda a assessoria da corporação, no momento do crime, por volta das 10h, os moradores próximos escutaram os dois brigando e, em seguida, silêncio.


Na sequência, o filho dela saiu no carro da vítima, muito transtornado. Ele ainda tentou buscar a irmã, menor de idade, na escola, mas a unidade não liberou a menina por não conhecer o rapaz. O suspeito, então fugiu e não foi mais visto.


Ainda segundo a assessoria da polícia, a mulher tinha algumas casas de aluguel e a principal suspeita para o crime é disputa pelo dinheiro dos pagamentos feitos pelos inquilinos.


O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios. O G1 tentou contato às 18h com o delegado Marco Aurélio Euzébio Ferreira, mas ele estava colhendo depoimentos e não pode atender a reportagem.


O G1 também tenta contato por telefone desde às 21h com o Instituto Médico Legal de Goiânia, mas as ligações não foram atendidas.

Fonte: G1

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer