Publicidades

06/06/2018 | 05:30 | Esporte

Inter melhora no segundo tempo, mas empata sem gols com o São Paulo

Time de Odair Hellmann chega a seis jogos de invencibilidade

Inter empatou com o São Paulo (Maurício Rummens / Fotoarena / Lancepress)


Com dois tempos bastante distintos, o Inter ficou apenas no empate por 0 a 0 com o São Paulo, no Morumbi, pela décima rodada do Brasileirão. Na primeira etapa, a equipe colorada pouco criou e se limitou a segurar o ímpeto ofensivo do adversário. No segundo tempo, no entanto, o time de Odair Hellmann entrou com outra postura. Propondo o jogo, pressionou os são-paulinos até o final. No entanto, não conseguiu ser efetivo para marcar. Com o resultado, o Inter permanece na quinta posição e chega a seis jogos de invencibilidade na competição. 


Odair surpreendeu na escalação e promoveu o ingresso do volante Charles na vaga do suspenso Rodrigo Dourado, deixando Gabriel Dias no banco de reservas. O garoto de 21 anos não atuava desde o Campeonato Gaúcho, no empate por 0 a 0 com o São Luiz, no dia 25 de fevereiro. Ainda sem contar com D'Alessandro, o treinador colorado manteve o trio de atacantes formado por William Pottker, Lucca e Leandro Damião.


Apesar da quantidade de homens de ataque, foi o São Paulo quem dominou o jogo na primeira etapa. O time de Aguirre ameaçou logo no primeiro minuto de jogo, com Militão lançando Tréllez na grande área. Porém, o atacante do São Paulo dominou com o braço, e o árbitro assinalou falta de ataque. Aos cinco minutos, Lucas Fernandes aplicou uma janelinha em Charles e passou para Liziero, que chutou em cima de Danilo Fernandes.


O São Paulo controlava a partida e rondava a área do Inter com cruzamentos e arremates de média distância. Enquanto a equipe de Aguirre atacava, o Inter se postava atrás da linha do meio-campo, sem conseguir criar chances efetivas. O primeiro chute a gol colorado ocorreu aos 19 minutos, quando Charles arriscou de longe, mas o chute foi fraco e a bola ainda desviou na zaga, facilitando a defesa de Sidão.


Pressionado pela marcação adversária, o Inter se limitava a trocar passes no seu campo de defesa, com imensas dificuldades de chegar ao campo do adversário. 


No final do primeiro tempo. o São Paulo voltou a atacar. Aos 35, ocorreu uma sequência de quatro escanteios para os são-paulinos. Em uma delas, a bola foi lançada para Reinaldo, que chutou forte de fora da área, obrigando Danilo Fernandes a fazer uma grande defesa. Aos 43, Lucas Fernandes arriscou de longe por cima do gol colorado. O primeiro tempo terminou com o domínio são-paulino. Com uma postura recuada, o Inter seguia sem força ofensiva para levar perigo ao gol adversário.


A conversa de Odair com o grupo no intervalo surtiu efeito. O Inter voltou para o segundo tempo com uma postura totalmente diferente, propondo o jogo e pressionando o São Paulo, embora sem criar chances claras. Aos 6 minutos, porém, William Pottker fez bela jogada pela ponta direita, roubando a bola do marcador na base do jogo de corpo e passando para Damião. Sem espaço, no entanto, o camisa 9 colorado recorreu a uma bicleta e não obteve êxito. Aos nove, Charles fez bom cruzamento para o segundo poste, onde estava bem posicionado Iago, que mandou para a área e, Damião novamente recorreu a um recurso refinado. Com uma meia bicicleta, finalizou para fora. Aos 19, Lucca arrancou a dribles pelo centro do campo e sofreu falta dentro da meia-lua. O próprio Lucca, no entanto, cobrou na barreira.


Por volta dos 20 minutos, o ritmo colorado caiu, o que levou Odair a mexer na equipe. Charles e Lucca deram lugar a Camilo e Rossi, respectivamente. Aos 37 minutos, Damião recebeu passe de costas para o gol. Após um bom giro, finalizou para fora.


O próximo compromisso colorado ocorre no domingo, contra o Santos, às 19h, na Vila Belmiro.

Fonte: Gaúcha ZH

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer