Publicidades

06/08/2018 | 21:03 | Praia Notícias | Polícia | Trânsito

PRF flagra mais de 33 toneladas de excesso de peso em quatro caminhões na BR 101 em Araranguá

PRF/divulgação


Na BR 101 em Araranguá, policiais rodoviários federais flagraram 33.786 quilos de excesso de peso sendo transportados por quatro veículos de carga.


O primeiro abordado foi um Ford/Cargo de São Ludgero transportando material orgânico e estava com 5.870 quilos de excesso. Ele foi multado em R$ 1.726,00 e seguiu viagem após transbordo.


Posteriormente, uma carreta VW/26.280 de Criciúma com toras de madeira carregava 8,3 toneladas acima do permitido. Ele também apresentou o mesmo excesso na Capacidade Máxima de Tração (CMT), que é o peso máximo a ser tracionado de maneira segura conforme o fabricante, levando em consideração aspectos mecânicos. Além das multas pelo peso, o veículo foi multado por falta de aferição do cronotacógrafo. O embarcador e o transportador foram multados em mais de 7.500 reais. O conjunto foi liberado após a transferência do excesso para outro caminhão.


O terceiro conjunto foi um Scania/R 500 de Orleans que levava 8.436 kg de arroz além do permitido nos dois semi-reboques que tracionava. A carreta teve excesso de mais de 4 toneladas na CMT. O transportador, que recebeu mais de 5 mil reais de multas, transbordou o excesso e seguiu viagem.


Por último, outro conjunto carregado com toras, tracionado por um Ford/Cargo de Aramazém, foi flagrado com quase 11.200 quilos acima do permitido. Ele foi multado em 3.110 reais e foi liberado após transferir o excedente para outro veículo.


O excesso de peso sobrecarrega os sistemas de suspensão e freios, oferecendo risco ao motorista e aos usuários da rodovia, e ainda danifica o pavimento asfáltico.

Fonte: Polícia Rodoviária Federal

Mais notícias desta categoria

Publicidades


Mario Junior designer