Publicidades

13/10/2021 | 15:18 | Geral | Três de Maio

Condições adversas dificultaram conserto de adutora da Corsan

Divulgação

A Corsan concluiu o conserto da adutora de água não tratada por volta das 2h30min da madrugada desta quarta-feira (13/10). Com isso, o abastecimento em Três de Maio foi normalizado somente no início desta manhã. Os moradores da cidade enfrentaram a falta de água ao longo do feriado de Nossa Senhora Aparecida.

Mesmo assim, alguns pontos localizados da cidade ainda estavam sem água hoje. Segundo a Corsan, os consumidores devem entrar em contato pelo 0800 646 6444 e gerar uma Ordem de Serviço para relatar o problema.  

Em entrevista à Rádio Colonial, o gerente da unidade da Corsan de Três de Maio, Miguel Lugoch, explicou que o trabalho levou mais tempo que o esperado em função das condições adversas do solo. A adutora acabou se rompendo parcialmente no meio de uma lavoura de milho. O terreno, que já estava úmido em função das chuvas dos últimos dias, ficou encharcado com a água que escorreu do vazamento, dificultando a realização do serviço. A equipe da Corsan necessitou do auxílio de retroescavadeira.

- Levamos a janta para eles lá mesmo no local onde estavam trabalhando. Tudo para não paramos o conserto - contou o gerente.

Além disso, para identificar o local do rompimento, foi preciso percorrer a rede adutora, que tem extensão de oito quilômetros, passando por matos, lavouras e áreas de banhado.

Uma ouvinte também relatou que no Loteamento Santa Maria estava saindo água barrenta das torneiras.

Segundo a Corsan, o último rompimento na adutora de água bruta havia sido no dia 07 de fevereiro de 2020, ou seja, há um ano e oito meses.

Fonte: Rádio Colonial

Mais notícias desta categoria

Publicidades